Brasileiros poderão entrar sem visto no Canadá em 2017

 Segundo o Rick Savone, embaixador do Canadá no Brasil, o Canadá é um dos destinos preferidos de visitantes e empresários brasileiros

Canadá

O Canadá é um país que ocupa grande parte da América do Norte e se estende desde o oceano Atlântico, a leste, até o oceano Pacífico, a oeste. Ao norte o país é limitado pelo oceano Ártico. É o segundo maior país do mundo em área total, superado apenas pela Rússia, e a sua fronteira comum com os Estados Unidos, no sul e no noroeste, é a mais longa fronteira terrestre do mundo.

O Canadá reconhece a importância do Brasil na região e no mundo, o que reflete a magnitude de nossas relações com este país. A partir do dia 1º de maio de 2017, alguns brasileiros poderão viajar para o Canadá, a trabalho ou a lazer, sem a necessidade de visto. A mudança foi anunciada pela embaixada canadense no Brasil.

De acordo com o comunicado, essa facilidade vale para quem já teve visto de residente temporário do Canadá nos últimos 10 anos ou quem possui visto válido de não-imigrante dos Estados Unidos. Para entrar no país, esses viajantes precisarão somente apresentar uma Autorização Eletrônica de Viagem (eTA), que poderá ser solicitada no site oficial da embaixada.

“O Canadá é um dos destinos preferidos de visitantes e empresários brasileiros e expandir a elegibilidade da eTA tornaria mais fácil e rápido para muitos brasileiros virem ao Canadá,” afirmou ao Extra o Embaixador do Canadá no Brasil, Rick Savone.

Para solicitar a eTA é necessário pagar sete dólares canadenses e preencher um formulário. A Autorização Eletrônica estará conectada ao passaporte do solicitante e terá válida de cinco anos ou até que o passaporte expire.

Aqueles que estão fora desses critérios, continuarão precisando pedir o visto de autorização para entrar no país. O documento tem o custo de aproximadamente 100 dólares canadenses, além de taxa que custa mais 30 dólares canadenses.

Leia também:

Como viajar de graça pelo Brasil